Competições Senac: garçom formado pelo Senac busca espaço em disputa nacional e internacional

Tempo de leitura: 5 minutos

Poder desempenhar melhor a função de garçom que exercia em restaurantes e em eventos de forma temporária: esse foi o principal objetivo que fez Chrystian Paiva ingressar no curso de Garçom no Senac Bento Gonçalves, no ano de 2017. Com 17 anos, o jovem, que à época morava com os pais na cidade da Serra Gaúcha, conheceu as Competições Senac de Educação Profissional e entendeu que o curso de Garçom poderia levá-lo a um patamar de qualificação e de reconhecimento além do esperado. 

“Os desafios que eu poderia encarar e a aprendizagem me levaram a participar das Competições. Mas antes de conhecer a disputa, achava que era um simples concurso, sem muita visibilidade. Mas depois que decidi participar e conheci mesmo, vi que era algo muito maior do que pensava”, relata ele. 

Já são anos de preparação e de crescimento. Em 2019, Chrystian representou o Senac Bento Gonçalves na etapa regional das Competições, ficando entre os melhores. Em março de 2020, ele disputou as provas de desempate, realizadas com o objetivo de selecionar apenas um aluno do curso de Garçom, de todo o Senac-RS, para representar o Estado na etapa nacional das Competições. 

Com a diretora do Senac Bento Gonçalves, Rosângela Jardim, após ter vencido as provas de desempate.

Chrystian garantiu a primeira colocação no desempate e a única vaga para a disputa nacional e, desde então, treina cerca de 8 horas por dia para conquistar uma medalha e a chance de ir para a WorldSkills. Os treinos acontecem diariamente no Senac Bento e são acompanhados pelo docente da escola e treinador da ocupação, Felipe Biondo. Principal responsável pelo treinamento, Felipe também atua no planejamento, organização e gerenciamento da ocupação de Serviços de Restaurante. 

Treinador da ocupação, Felipe Biondo, com o competidor Chrystian Paiva.

Mas não para por aí: caso vença a etapa nacional, Chrystian representará o Brasil na WorldSkills – a maior competição de educação profissional do mundo que acontecerá em Xangai, na China, em 2022. Na última WorldSkills, realizada na Rússia, a ocupação Serviços de Restaurante reuniu alunos de 17 países, entre eles Suíça, França, China, Reino Unido, Dinamarca e Espanha.

 

Serviços de Restaurante: a arte do bem servir

Um dos objetivos da WorldSkills é evidenciar a importância da qualificação profissional aos jovens, além de promover o intercâmbio entre os estudantes e incentivar profissões relacionadas ao fazer, como garçom, cozinheiro, florista, entre outras. A ocupação Serviços de Restaurante é uma entre mais de 50 que fazem parte da competição a qual reúne 1,5 mil competidores de mais de 60 países. 

Na ocupação Serviços de Restaurante os competidores devem demonstrar amplo conhecimento de todos os tipos de cozinha, especialmente os ingredientes e o estilo de cozinha dos pratos do menu à la carte. Também precisam conhecer e compreender os métodos de preparação e serviço, além de prestar serviços de alimentação e de bebidas aos hóspedes de hotéis e restaurantes, demonstrando atenção e compreensão de suas necessidades e expectativas.

Por isso o treino é diário e inclui atividades práticas o tempo todo. “Treinamos desde uma fala simples até uma prova em inglês. Também treinamos a recepção aos clientes, a apresentação e explicação do cardápio para eles. Além das técnicas de cozinha – como preparar um estrogonofe, um crepe suzette e sobremesas – e fazer o preparo de drinks” exemplifica Chrystian. 

Chrystian em um simulado preparatório para a etapa nacional.

Expectativas e contagem regressiva para a nacional

Chrystian, que entrou no Senac com 17 anos, aos 21 já vive uma outra realidade. “Atualmente moro na minha casa sozinho, graças às oportunidades de trabalho e ao Senac”, conta. Não só a mudança de endereço, a competição representou uma mudança de vida e o jovem já enxerga mudanças em seu comportamento, já que teve que encarar várias responsabilidades.

E mesmo diante dos desafios, Chrystian conta com muitos motivos para seguir em frente: “As pessoas que torcem para meu melhor, que me auxiliam todos os dias para fazer isso acontecer me motivam, além da vontade de um dia poder ser treinador também dessas competições”. 

Competições Senac de Educação Profissional: alunos em destaque no cenário nacional e internacional

As Competições Senac de Educação Profissional são compostas por três etapas: escolar, regional e nacional. As etapas funcionam como uma seletiva, ou seja, os vencedores da etapa escolar encontram-se na estadual; os medalhistas da estadual representam o RS na etapa brasileira; os primeiros colocados em cada ocupação nesta etapa nacional representam o Brasil na WorldSkills.

Atualmente, o Senac-RS prepara seus alunos para a etapa nacional, que está prevista para acontecer em outubro deste ano! São eles: Amanda Ribeiro, ocupação Estética e Bem-Estar; Chrystian Paiva, ocupação Serviços de Restaurante; Fernando Belle Casagrande, ocupação Cabeleireiro; Larissa Vitória Apollo, ocupação Cuidados de Saúde e Apoio Social; Thaís Rozales Ribeiro, ocupação Recepção de Hotel; e Thiago Padilha, ocupação Cozinha. 

Em quais áreas o Senac participa?

A WorldSkills reúne competidores em mais de 50 skills (habilidades vocacionais). O Senac entra na disputa internacional com as “ocupações” relacionadas ao Comércio. Já o Senai participa da WorldSkills nas ocupações relacionadas à Indústria, como Funilaria Automotiva, Soldagem, Robótica Móvel. Juntos, os alunos do Senai e do Senac formam a delegação brasileira no mundial das profissões. 

Como funcionam as provas

Nas provas os alunos são submetidos a situações reais da profissão. Por isso as provas de Serviços de Restaurante inclui servir um jantar, criar e servir drinks, prestar informações sobre tipos de vinho aos clientes, preparar e servir diferentes tipos de cafés, entre outros. 

Próxima WorldSkills

Cerimônia de encerramento da última WorldSkills, realizada em Kazan, na Rússia, em 2019.

A WorldSkills, que acontece a cada dois anos em um país diferente, tem sua próxima edição agendada para acontecer em Xangai (China), em 2022. Mas, para chegar lá, os alunos do Senac-RS precisam vencer os competidores do Senac de outros estados. 

Veja também:

Competições Senac: conheça a competidora de Estética do Senac-RS

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos!