É hora de seguir seus sonhos

Tempo de leitura: 3 minutos

“Nunca é tarde para aprender algo novo” é um dos ditos populares mais verdadeiros. Ainda mais quando o assunto é a profissionalização de alguém. Não existe idade ou tempo máximo para se dedicar a um sonho antigo, ainda mais quando esse sonho é fazer um curso e aprender algo novo. Esse é o caso de Neusa Bedin. Aos 71 anos, essa jovem senhora está cursando o quinto semestre do curso de Moda da Faculdade Senac Porto Alegre. “No início fiquei apreensiva se seria aceita por aqueles jovens tão estranhos a minha realidade meio careta e conservadora de alguém criada no interior”, conta.

Os cabelos coloridos e a diversidade não eram comuns em Vila Mata, hoje cidade de Mata, onde Neusa nasceu e cresceu. Cursando a quinta série do ensino fundamental, se viu obrigada a parar seus estudos para ajudar os pais na loja da família e em casa. Em troca, ganhou um curso de corte e costura e uma máquina. Então, aos 15 anos de idade, viu nascer o sonho de trabalhar com moda. Quando tinha 18 anos, a família se mudou para Santa Maria. Dois anos depois se casou e foi morar em Jaguari onde teve três filhos. O desejo de voltar a estudar foi ficando cada vez mais distante, mas não desistiu. “Quando os meninos estavam na escola resolvi fazer o segundo grau técnico e cursei Auxiliar de Escritório”, lembra. Depois de formada logo fez o vestibular para Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), distante 104 quilômetros de onde morava. Porém, sua prioridade sempre foi os filhos. “Desisti na primeira dificuldade com eles”, explica Neusa. 

Mesmo tendo uma vida tranquila ao lado do marido, queria ter independência e como não seria possível seguir estudando, decidiu abrir uma loja em sua cidade. Foi um grande sucesso. “Eu me sentia bem, tinha minha independência financeira, estava feliz, porém, faltava um diploma”, afirma. Seu negócio foi crescendo, outras lojas foram abertas e, em 2010, divorciada e com os filhos já bem encaminhados, se aposentou e resolveu se mudar para Porto Alegre. “Queria ficar perto dos meus filhos. Vendi tudo e vim para a capital”, lembra. “Eu, que nunca tinha tempo pra nada, me vi sem nada pra fazer. Vi que a hora de cursar a minha faculdade era aquela”, conta. 

Neusa pesquisou e se identificou com o curso de Design de Moda da Faculdade Senac Porto Alegre. Sentindo-se muito bem recebida pelos colegas de curso que a ajudam quando precisa e pelos professores que sempre a incentivam vê na faculdade um lugar de aprendizado dentro e fora da sala de aula. “Passei a entender coisas que não via em mim. Por exemplo, que fui uma feminista ao abrir mão de uma vida confortável às custas de um marido por uma profissão nada fácil como é ser empresária no Brasil”, orgulha-se. Porém, as dificuldades também fazem parte da vida de Neusa. 

A quarentena tem mudado a rotina de muita gente. Sendo ela uma pessoa que faz parte do grupo de risco da Covid-19, as aulas migraram totalmente para o ensino a distância. “Confesso que minha maior dificuldade foi e está sendo a informática. Sou do tempo do mimeógrafo e da máquina de datilografia, mas já estou perdendo o medo, sabe?”, brinca. Durante o isolamento social, as aulas on-line tem sido uma válvula de escape para Neusa, que está respeitando totalmente as recomendações sanitárias. “Na minha idade, cada dia é realmente um presente e estou vivendo cada um tirando o máximo de proveito. O contato pela internet com meus colegas e professores tem sido de grande ajuda para que eu não me sinta tão só”, explica.

Criar coleções de moda, pesquisar tendências, e quem sabe produzir pequenas coleções são alguns dos próximos possíveis passos da septuagenária, que nem pensa em parar. “Olha, se eu pudesse aconselhar alguém eu diria para sempre lutarem pelos seus desejos e que nunca é tarde para aprender”, finaliza.

Sonho de fazer um curso e aprender algo novo

Conheça outra história de um estudante do Senac abaixo:

Chef de Cozinha: de aprendiz às disputas internacionais

Quer receber mais informações do blog? Deixe seu contato!

Gostou do nosso conteúdo? Compartilhe com seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *